quarta-feira, 29 de julho de 2009

Isso me acalma

O ar está faltando
O meu medo vai cessando
Abriu a excitação
Cresceu a flor de amor
no meu coração
Sabe quando você está mergulhando fundo e chega uma hora que seus pulmões parecem que irão explodir de tão pressionados, e então, você tenta, desesperadamente, voltar para a superfície? Pois é!, eu me sinto assim; excepto na parte desesperadora. Não quero voltar para a superfície(denomina-se sanidade-do-bem-social*). Esse ar acabando, essa tal inquietude. Como disse, não luto pela superfície, eu quero mergulhar mais fundo. Querendo assim, atingir lentamente o profundo. Encontrar você. Sei que estou cada vez mais perto. Perto daquele que me inspira. Do que sabe dos pontos e reticências da minha alma. Do que decifra-me com o olhar. Aquele que me ver.
Não tenho medo do chegar ao fundo. Sei que meus pulmões são tão fortes quanto o amor que sinto. Queda suave, no balanço do mar. Meu mar é você. Então me lanço, me atiro, mergulho, não volto.

[Meu peito agora dispara .Vivo em constante alegria . É o amor que está aqui - Amor I love you-Marisa Monte]
*Tudo muito certo. Todos vivendo numa realidade dada de mão beijada.


7 comentários:

  1. é muito bom voltar aqui. Ótimo post(como sempre)
    Tenha uma belo dia.
    Maurizio

    ResponderExcluir
  2. Meeniina como ficou lindo isso aqui!!Adorei de verdade, bem delicado...Sabe que essa musica (Amor,I Love You)embalou meu primeiro namoro quanto eu tinha 15 anos...Legal lembrar disso aqui!
    bjOoO'

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho um mar. E me afoguei nele.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. No fundo ficam várias coisas que afundaram. Nem sempre são legais.

    ResponderExcluir
  5. Eu quero o fundo, o profundo.


    Beijo
    :*

    ResponderExcluir
  6. Do que sabe dos pontos e reticências da minha alma.

    qe liindoo *-*

    ResponderExcluir

Diga-me você...