sexta-feira, 1 de abril de 2011

Entreolhar

A única certeza que eu tenho é a de que um dia os nossos olhos se encontraram. E isso será inesquecível. Só pude ouvir a sinfonia ao fundo, nada mais. Senti meu coração espremer-se num aperto e afrouxar-se calma e lentamente. Pude sentir nos teus olhos boêmios que teu sentimento fora tão forte quanto o meu; que por um átimo de segundo teu sentimento foi inteiramente verdadeiro como o meu.

14 comentários:

  1. Vai dizer que o tempo não parou naquele momento?
    Um beijo.
    Te sigo.

    ResponderExcluir
  2. Um instante pode durar para sempre.

    ResponderExcluir
  3. Ótimo saber que açguém sente o mesmo que você.
    Beeijo :*

    ResponderExcluir
  4. Momento que mais gosto de amar é essa troca de olhares. Confesso que quis saber o que aconteceu depois.

    ResponderExcluir
  5. ...portanto, pf, aproveite esse átimo e não seja nem um atinada...seja feliz, mais e mais. se compreendeste, se te asseguraste num átimo que é recíproco, logo, se faz desnecessário ter prudência.

    ''quero ver você maior...''

    ResponderExcluir
  6. estamos divulgando um novo projeto. Espero, sinceramente, que goste. já estamos na terceira postagem sobre a "menina da cabeça de bola"
    dá um espiada.
    Todo mundo tem um pouco dela dentro de si.

    Beijão

    ps: gostei do blog.
    Volto com mais tempo.

    ResponderExcluir
  7. Que bonito.
    Tão presente dentro de nós quando se é verdadeiro!

    ResponderExcluir
  8. já senti isso aí que vc escreveu. eu já estive no paraíso, lá se sente essas coisas assim. coisas raras.

    adorei teu blog!

    ResponderExcluir
  9. Amei teu cantinho, textos lindos, dá vontade de passar horas e horas lendo! Parabéns pelo blog.
    Beijos

    http://leontynasantos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. É, segundos constroem histórias.

    ResponderExcluir

Diga-me você...